Prévia Week 2 – Green Bay Packers vs Detroit Lions

A semana 1 foi bem distinta para ambos os times envolvidos nesse Monday Night Football. Se para o lado dos Packers, o jogo contra o New Orleans Saints foi um desastre ofensiva e defensivamente, para os Lions, mesmo com a derrota pode – se dizer que o saldo foi positivo.

Isso porque na primeira partida de Jared Goff como comandante do ataque do time de Detroit, o quarterback mostrou que nem tudo que se via nele na época de Los Angeles Rams era fruto de Sean McVay.  

Por outro lado, Green Bay teve uma partida para se esquecer dos dois lados da bola. Se a defesa não conseguia parar Jameis Winston, o ataque não conseguia evoluir no campo em uma das piores atuações já vistas de Aaron Rodgers. A unidade defensiva permitiu 5 touchdowns dos Saints enquanto o ataque conseguiu anotar apenas um field goal. Rodgers teve comente 133 jardas no jogo e duas interceptações. Nem o jogo corrido funcionou. 

O que esperar?

A defesa dos Lions não é uma defesa que assuste o ataque dos Packers. Isso porque, contra o San Francisco 49ers, a unidade defensiva cedeu 321 jardas aéreas para Jimmy  Garoppolo e Trey Lance e mais de 130 jardas corridas. Há muitos buracos a serem explorados por Matt LaFleur. E um dos maiores talentos dessa defesa, o cornerback Jeff Okudah, está fora da partida e da temporada. O segundo anista sofreu uma lesão no tendão de aquiles e não jogará mais em 2021.

Já pelo lado dos Lions, além de melhorar a sua defesa, o seu ataque pode encontrar alguns problemas. Isso porque apesar dos 5 touchdowns lançados por Winston na semana 1 contra a defesa dos Packers, não foi um jogo em que muitas jardas aéreas foram cedidas. O jogo terrestre foi importantíssimo no plano de jogo dos Saints para a vitória. E, se para os Lions o caminho é o jogo corrido, a participação de DeAndre Swift no jogo será fundamental. O jogador está listado como questionável, mas deve ir para a partida, visto que já que participou sem limitações do último treino.

Nas casas de apostas o favoritismo é todo dos Packers. Portanto, resta saber se isso irá se confirmar em campo. 

Psicólogo da NFL

Psicólogo da NFL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: