É vitória dos Colts no Thursday Night Football!

A freguesia continua e o Indianapolis Colts derrota o Tennessee Titans por 34 a 17 jogando fora de casa. Os Colts mantiveram o histórico recente de visitantes indigestos quando visitam seus rivais de divisão. Em um jogo marcado por jogadas dos times de especialistas, a liderança da AFC Norte mudou de dono.

O começo do jogo

Tennessee anota um TD corrido no início do jogo (Créditos: Donald Page/ Tennessee Titans)

O primeiro quarto foi favorável aos Titans e o mandante parecia querer implicar um ritmo dominante na partida. Tennessee venceu o quarto por 7-3 e teve bons momentos em que sua defesa conseguiu parar os Colts dentro da redzone. Depois de uma campanha com um punt, que foi respondido por um field goal de Indy, Tennesse conseguiu mais uma boa campanha que resultou em um field goal.

E foi a partir desse momento que o momento do jogo virou.

O domínio de Indianapolis

Rivers comandou uma ótima atuação do ataque (Créditos: Indianapolis Colts)

Todos sabiam que o plano de jogo de Tennessee passava por Derrick Henry e o RB não decepcionou. Foram mais de 100 jardas terrestres e uma média de 5,4 jardas/corrida. Porém, a secundária e o pass rush de Indy dificultaram e muito a vida do QB Ryan Tanehill.

Ele passou para 1 TD e apenas 147 jardas aéreas, com alguns momentos em que pareceu perdido e errou o alvo em alguns passes. Seu rival Phillip Rivers, por outro lado, teve uma das suas melhores atuações na temporada. Foram 308 jardas em passes, 1 TD e nenhum turnover cometido na partida.

Mas quem realmente mudou o rumo da partida foram os times de especialistas. O de Tennessee cometeu bobagens: teve um punt ridículo que deu uma posição de campo fantástica para o ataque dos Colts e um FG errado por Gostkowski (já são 8 erros na temporada). Já os especialistas de Indy bloquearam um punt (na campanha seguinte do chute bisonho) e anotaram um TD que abriu uma boa diferença no placar.

Tannehill e seus comandados não demonstraram nenhuma força de reação no fim da partida, que contou com um quarto período onde parecia que os jogadores dos Titans estavam se arrastando em campo.

O que vem por aí

Agora líder da divisão com 6-3 e vantagem no critério de desempate, Indy terá um calendário muito complicado pela frente: recebe Packers e Titans novamente, e depois viaja para enfrentar os rivais Texans. Também 6-3 na temporada, Tennessee sente saudades do desempenho do começo da temporada. O calendário dos Titans também é bem desagradável, com dois jogos fora de casa contra Ravens e Colts.

Alberto Torres

Alberto Torres

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: