Prévia do Sunday Night Football – Semana #1

Esse texto foi produzido pela nossa redatora Tau Lins (@tau_lins, no Twitter).

O primeiro Sunday Night Football do ano terá o encontro de duas equipes que brigam para chegar no Super Bowl em Fevereiro do ano que vem. O Dallas Cowboys irá até Los Angeles enfrentar os Rams no novo, moderno e lindo SOFI Stadium, a nova casa dos comandados de Sean McVay.

A partida promete equilíbrio e vários duelos interessantes, como por exemplo o da linha ofensiva dos Cowboys contra o melhor Pass Rusher da liga: Aaron Donald. Mas, muitos outros aspectos poderão ser observados nesse jogo. É um ano que muita coisa está em jogo tanto para os Cowboys como para os Rams.

FIM DA ERA JASON GARRETT NOS COWBOYS

Mike McCarty chega a aos Cowboys para substituir Jason Garret.

Famoso por bater palminhas na sideline quando o seu time estava apresentando um desempenho no mínimo questionável em campo, Jason Garrett não é mais técnico do American Team. Para o seu lugar, Mike McCarty, que saiu de Green Bay tendo vencido um Super Bowl com os Packers em 2010. Sem chegar em um Super Bowl desde 1995, o objetivo do novo Head Coach comandando o time mais popular da NFL esse ano é finalmente levar o time ao título. Armas para isso ele terá, principalmente no ataque.

ATAQUE BADALADO

Dak Prescott, Ezekiel Elliott, Amari Cooper, Michael Gallup e o recém chegado da Universidade de Oklahoma e tido como o melhor Wide Receiver do draft de 2020, CeeDee Lamb, empolgam o torcedor dos Cowboys. Não que o ataque já não fosse bom na temporada passada, mas a adição de Lamb dá mais armas para Dak, que joga sob a franchise tag e ainda não assinou a extensão de contrato com a franquia do Texas.

Aliás, o quarterback não ter renovado pode ser um gás a mais para esse ataque. Depois dos valores pagos nas renovações de Patrick Mahomes e Deshaun Watson, Dak vai jogar a vida para ter condições de exigir um valor alto de contrato. Talvez Jerry Jones se arrependa de não ter pago o seu Qb antes.

A HORA DO VAMOS VER PARA MCVAY

A primeira temporada do jovem Sean McVay no comando dos Rams foi excelente. Chegou ao Super Bowl e perdeu somente para Bill Belichick e o New England Patriots. Saldo extremamente positivo. Além de chegar ao Super Bowl, conseguiu montar um ataque que passava confiança mesmo que seu quarterback, Jared Goff, despertasse muita desconfiança da torcida.

McVay e Goff estão pressionados para mostrar resultados nos Rams.

Apesar desse ano vitorioso, ambos – McVay e Goff – começam o ano sob a mesma desconfiança que o torcedor dos Rams tinha há três anos. E agora precisam se provar.

O ponto forte dessa campanha sem dúvida foi a defesa e principalmente o Pass Rusher. Aaron Donald é, indiscutivelmente, o melhor defensor da liga. E elevou muito a defesa dos Rams desde que chegou e com certeza causará impacto não apenas no SNF – mas na temporada toda.

Para os Cowboys vencerem o jogo, precisarão diminuir o impacto de Donald. Neutralizá – lo é praticamente impossível, mas se a linha ofensiva proteger bem Dak Prescott e conseguir minimizar as ações do pass rush adversário, será um passo importante para a vitória. Dak também precisará se livrar rápido da bola e contar muito com Ezekiel Elliott para equilibrar as ações do ataque. O quarterback não pode ser presa fácil para a DL dos Rams.

Para os Rams vencerem o jogo, precisarão contar muito com o pass rush para diminuir as ações de impacto do ataque de Dallas. Minimizar as corridas de Elliott e forçar o ataque a situações óbvias de passe, onde a chance do seu pass rush obter sucesso é maior. Também terá que contar com uma noite inspirada da conexão Goff – Kupp. Cooper Kupp é o principal recebedor do time de Los Angeles e uma boa partida dele aumenta e muito as chances de vitória dos Rams.

Olho em Tyler Higbee. O TE teve ótimas participações em alguns pacotes utilizados por McVay ano passado. E o calouro Cam Akers, RB vindo de Florida State University, pode causar grande impacto nesse ataque, que perdeu Todd Gurley. Já nos Cowboys, vale ficar de olho em Lamb. Recebedor de grande sucesso no college, é capaz de causar impacto já na sua primeira partida na liga.

Redação Kickoff Brasil

Redação Kickoff Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: